A nomenclatura 695 vem dos antigos 695 Abarth da década de 60, que se diferenciavam do Fiat 500 original não só no aumento da cilindrada (de 500cc para 700cc), mas rodas e pára-lamas maiores, freios a disco, cambio de 5 marchas, entre outras inúmeras modificações.

Esta nova versão, que foi desenvolvida em conjunto com os técnicos da Ferrari, vem equipada com o motor 1.4 turbo com kit Abarth Esse Esse de 180cv e que entrega 27,53 Kgfm a apenas 3000 rpm, pás atrás do volante para troca manuais de marcha, rodas de 17 pol. com desenho Ferrari, suspensão modificada, freios a discos com pinças Brembo, difusor de ar traseiro e bancos esportivos Sabelt personalizados e revestidos em couro.

Serão fabricadas apenas 200 unidades, todas com a cor Rosso Scuderia.

Mais imagens no portal Carplace.