Arquivos para categoria: Outras

Complementando o excelente texto do AUTOentusiasta Juvenal Jorge , que você pode ler neste link, aqui esta a polêmica matéria da revista britânica Autocar (publicada em 2005) que ele estava se referindo.
Clique nas imagens para ver em tamanho maior e ler (texto em inglês).

Imagens scaneadas por GordonM (M5Board.com)

Anúncios

Rubens Barrichello foi o piloto de Fórmula 1 convidado no terceiro programa da temporada 2010 do programa britânico Top Gear. Quando um piloto de F1 esta no programa, com certeza ele vai participar do desafio de ser mais rápido que The Stig no tradicional circuito do programa, pilotando um pequeno Suzuki Liana.

E não é que o veterano piloto brazuca conseguiu!

Veja como ficou o ranking:

1. Rubens Barrichello – 1:44.3
2. The Stig – 1:44.4
3. Nigel Mansell – 1:44.6
4. Jenson Button – 1:44.7
5. Lewis Hamilton – 1:44.7
6. The Stig (Black) – 1:46.0
7. Damon Hill – 1:46.3
8. Mark Webber – 1:47.1

PS.: As imagens do vídeo estão inversas, mas no momento é o único com legendas em português no You Tube.

A empresa norte-americana Becker Automotiva Design transforma vans e SUVs em escritórios móveis blindados com o conforto de um jato executivo. Entre seus clientes estão Edgar Bronfman Jr., Tiger Woods e os reis Abdullah II da Jordânia e Hamad bin Isa Al Khalifa do Bahrain.

Entre as opções disponibilizadas, a que mais chama nossa atenção é a JetVan.

Por fora parece um normal Mercedes-Benz Sprinter, mas seu interior é luxuoso e elegante, usa tecnologia e recursos derivados da indústria aeroespacial, como: sistema de iluminação do ambiente controlada por LEDs, telefone via satélite, persianas elétricas e poltronas reclináveis com descasos para pernas iguais as da primeira classe das melhores companhias de aviação. Pode ser equipado com monitores de LCD de 32 a 40 polegadas, som surround 7.1, geladeira, fax, internet de banda larga e até banheiro. Mas o grande destaque e diferencial das limousines é o fato de se poder andar ereto e com facilidade em seu interior.

 Podemos dizer que essa é a verdadeira carruagem do século XXI.

Facebook  http://www.facebook.com/pages/Nerd-de-Carro/154253771251934
Tumblr http://nerddecarro.tumblr.com

O Antigomobilismo brasileiro deu seus primeiros sinais no começo dos anos 60 com Og Pozzoli e mais 11 colecionadores como Roberto Lee, Eduardo Matarazzo e Angelo Martinelli, que fundaram o Veteran Car Clube do Brasil em uma época que possuir carros antigos era considerado coisa de maluco.

Og Pozzoli além de ser um dos maiores empresários do ramo de impermeabilização no Brasil (trabalhou com Niemeyer na construção de Brasília) é também um grande apaixonado por automóveis antigos. Esta perto de chegar à segunda centena de carros na sua coleção, uma das maiores e mais importantes do mundo.

Também teve participação ativa nos primeiros encontros nacionais de São Lourenço, Poço de Caldas e Araxá. Dentro do antigomobilismo é respeitado e querido, é sócio honorário de vários clubes de carros antigos no Brasil.

Um pedaço da história do Brasil passa pela coleção de Og Pozzoli, como por exemplo, a Mercedes-Benz de 1939 que veio ao Brasil como um presente de Adolf Hitler ao diretor do Deutsche Bank, pintada nas cores do partido nazista (O diretor mandou pintar o carro de azul, que depois de restaurado por Og voltou às suas cores originais) e o Ford 1949 vermelho de Getúlio Vargas, que foi pintado de branco por Vargas porque na época a cor vermelha era de uso exclusivo do Corpo de Bombeiros.
A coleção está dividida em cinco garagens e entre elas esta a garagem de veículos presidenciais. Nesta garagem presidencial os veículos que chamam mais a atenção são o Itamaraty Limousine que era utilizada pela presidência da república, governadores de estados e ministérios, um Cadillac 1959 azul claro igual ao do Elvis Presley, uma Limousine Chrysler idêntica a do presidente Roosevelt a qual só existe outra igual no mundo que está em um museu em Washington D.C. e um reluzente Lincoln 1938, de 12 cilindros, da série K, que conduziu o Papa João Paulo II em sua primeira visita ao Brasil em 1980, tendo como “piloto” o próprio Sr. Og Pozzoli.

É provável que esta rara coleção não tenha o mesmo fim trágico da coleção de Roberto Lee: “_ Os meus filhos sempre participaram dos Encontros e todos cresceram dentro de autos antigos, todos gostam de participar e todos hoje dirigem, também carros antigos.” Diz Og Pozzoli.

FONTES:
AUTOentusiastas
Aqui tem Coisa
MB Classic
Portal AUTOCLASSIC
Carangos & Afins
Antigos Verde Amarelo

Facebook  http://www.facebook.com/pages/Nerd-de-Carro/154253771251934
Tumblr http://nerddecarro.tumblr.com

Existem vários Animes (Desenhos animados japoneses) em que o automóvel faz parte do tema principal. Speed Racer, Initial D e Wangan Midnight são os animes mais famosos.

Mas existe um anime que chamou minha atenção por ter clássicos esportivos europeus, algo raro até em desenhos ocidentais. Se chama éX-Driver, e se passa em um futuro não muito distante, onde todos os carros são elétricos, automatizados e integrados à um sistema operacional. Desde a chegada destes carros, houve o desinteresse de dirigir na maioria da população, fazendo assim o ato uma coisa do passado. Mas às vezes este sistema é atacado e vários veículos ficam fora de controle. Para o resgate, entram em ação as duas jovens da imagem que abre o post, típicas de anime, e um garoto de 12 anos!  Eles são um dos poucos que possuem licença para dirigir neste universo anime.

Dos bem detalhados veículos clássicos europeus e japoneses que aparecem neste desenho, se destacam um Lancia Stratos, um Lotus Europa e um Caterham Super Seven. Estes três esportivos são conduzidos pelos protagonistas.

Para ver a abertura desta série animada, clique aqui.

Facebook  http://www.facebook.com/pages/Nerd-de-Carro/154253771251934
Tumblr http://nerddecarro.tumblr.com

O CARRO: O Ferrari 512 BBi é o último da série de atualizações do Ferrari 365 GT4 BB. Seu motor 12 cilindros contrapostos, com injeção eletrônica Bosch K-Jetronic, produz 340cv.
O BB (Berlinetta Boxers) foi concebido para responder ao rival Lamborghini Miura.

O CLIPE: I Can’t Drive 55 é um manifesto musical contra o limite federal de velocidade máxima em rodovias nos EUA, que na época era de 55 milhas por hora (88 km/h). Esta música foi o maior hit de Sammy Hagar em carreira solo e faz parte do álbum VOA (um acrônimo de Voices of America) de 1984.

Para ter acesso a Parte 1 de Automóveis e Videoclipes , clique aqui.

O CARRO: Lançado em Abril de 1964 já como modelo 1965, o Ford Mustang foi apresentado em duas versões: Conversível e Coupé 2 portas. Projetado e concebido para satisfazer todos os gostos, poderia vir equipado com um modesto motor V6 de 2,8 litros com 101cv até um V8 de 4,8 litros com 271cv. Após 6 meses, foi apresentada a versão Fastback (modelo do videoclipe), com forte apelo esportivo.

O CLIPE: O carro é destaque no videoclipe da musica “L.A. Woman” da banda de rock norte-americana The Doors. A canção foi lançada no álbum de 1971 com o mesmo nome L.A. Woman, o último com Jim Morrison antes da sua morte.

O mercado brasileiro de automóveis passou por um período de recorde de vendas, mas infelizmente este recorde foi conquistado de forma desleal. Mesmo com a ínfima redução do IPI (hoje, esta havendo um aumento gradual da alíquota), o consumidor brasileiro esta sendo lesado.

O mais recente exemplo foi denunciado pelo portal automotivo CARPLACE, sobre um carro que no Brasil tem status de sofisticado, requintado e caro, mas no resto do mundo é um simples projeto para paises emergentes, popular e barato: o Honda City.

A Honda esta exportando o carro citado para o México e a versão mais simples tem preço de 197 mil pesos mexicanos (R$25.800,00). A versão equivalente no Brasil esta sendo vendida por R$56.815,00!

As elevadas taxas governamentais, junto com a alta margem de lucro praticada pelos fabricantes de automóveis, transformam o preço de muitos automóveis a valores equivalentes a mais da metade do cobrado pelo mesmo automóvel (e até mais equipado) fora do Brasil.

A cidade serrana de Petrópolis, no estado do Rio de Janeiro, já foi palco de diversas competições automobilísticas, principalmente entre as décadas de 30 e 60.
O primeiro evento automobilístico na charmosa cidade imperial data de 9 de março de 1908, com a chegada à cidade de um Dietrich, pilotado por Gastão de Almeida e Braz, que vinha do Rio de Janeiro. Tratava-se de um raide de resistência.

As corridas de subidas de montanha eram (e ainda são) muito populares na Europa. Em 1932, foi realizada a primeira prova Subida da Montanha no Rio de Janeiro, disputada na Estrada Rio – Petrópolis. Após esta primeira prova, outras sucederam com a participação de pilotos de diversos estados e vários carros de grandes equipes do Brasil.

Na data de 6 de julho de 1936 realizou-se a primeira corrida nas ruas do centro urbano de Petrópolis. Calcula-se que mais de 20 mil pessoas se deslocaram para o centro urbano a fim de assistir às competições. O publico ficava nas calçadas, isolada apenas por cordas, esticavam seus pescoços para ver os carros se aproximando e formavam uma espécie de funil.
Nos anos 50, Ferraris e Maseratis conquistavam sempre os primeiros lugares no circuito de rua de Petrópolis.
Nos anos 60, Alfa Romeos, BMWs e KG-Porsches rasgavam as ruas e avenidas de paralelepípedo.

Mas a corrida do ano de 1968 foi uma das mais trágicas no Brasil, na qual morreram dois pilotos (Sergio Cardoso, pilotando uma Alfa Romeo, desgovernou-se nos treinos e bateu em um paredão e diversos postes e Joaquim Carlos Telles de Mattos, o “Cacaio”, que foi sinalizar um dos diversos acidentes daquele final de semana e foi atropelado).

Depois dessa data, as corridas de rua foram proibidas em Petrópolis.

Facebook  http://www.facebook.com/pages/Nerd-de-Carro/154253771251934
Tumblr http://nerddecarro.tumblr.com

Este comercial é um pouco antigo (2007), mas foi considerado na época um dos comerciais para TV mais caros do mundo.

Para divulgar sua gasolina aditivada V-Power e celebrar o aniversário de 60 anos de parceria com a Ferrari, a Shell filmou históricos monopostos de Formula 1 correndo nas ruas de Roma, Mônaco, Rio de Janeiro, Sydney, Nova York e Hong Kong, em pleno dia!

Para ver (ou rever) esta sensacional propaganda, clique na imagem.